quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Para me acalmar: Depoimento de uma amiga...

Oi gente, ando muito ansiosa...por isso tô fazendo terapia e sessões de desabafo com várias pessoas...
Recebi  e-mail da minha amiga KELLY (amiga - irmã de mil e quinhentos anos, vidas passadas , etc e tal) que quero compartilhar com vocês:

O Email

-Sá, relaxa. Sempre dá tudo certo no final. E o que não der tempo a gente faz com ela aqui já, ué!!

E quanto as merdas, é natural ter medo.
Do João tinha medo de tudo, pois tudo era desconhecido. Da teoria eu entendia, sabia tudo, mas a prática é outra. E bem menos feia do que as vezes a gente imagina.
Já da Anna foi ainda pior. Porque eu já conhecia uma hipótese, sabia a cara de quem ía enfrentar. Sabia também que o "monstro" era feio, mas eu já o tinha derrotado uma vez, e mesmo sabendo que iria derrotá-lo novamente, tinha consciência de que não seria fácil...
Já a outra hipótese era a que mais me apavorava. Sinceramente.
Lembro que marcamos na segunda-feira o parto para a terça, nem dormi aquela noite. Cheguei a torcer pra que ela resolvesse nascer por vontade própria.
Fora a sensação estranhíssima de ir pra casa, comer, dormir, imaginando que tal hora sua filha seria "retirada"...aff
Fiquei mal, no pré-parto. Com certeza de tanto nervoso. Tive uma crise H O R R Í V E L de dor de cabeça. Levantei duas vezes com aquela camisolinha linda pra vomitar, kkk.
Até tiveram que me medicar. Estava com pânico da anestesia, do cordão que meu médico suspeitava que estava enrolado, de acontecer qquer coisa, de que ela poderia não estar bem... tudo né?
Mas foi tudo tão tranquilo. Meu médico me acalmou, a equipe de anestesia do hospital foi um amor. O anestesista parecia que me conhecia há anos! Até ajudou meu médico a retirar a mocinha, rsrs.
E foi rápido. Muito rápido.
Fique tranquila!


Pra vc não ficar com medo do desconhecido, segue um manual básico*:
Dar entrada na maternidade (com o pedido de internação da médica e seus documentos pessoais);
Levarão você para um pré atendimento, medirão sua pressão, temperatura, não lembro se fazem toque nesse momento.... tô véia;
Aí seguirão com a internação: Se for no Sta Marina, você sobe até o andar do centro cirúrgico (que eu não lembro qual), a mocinha simpática pede pra você retirar toda sua roupa e objetos pessoais (esqueci de mencionar que antes de você subir sua bolsa e da bebê já ficou com seu marido, que não pode te acompanhar nesse momento);
Depois que estiver só com a camisolinha linda! vai pra salinha do pré-parto e fica aguardando... aguardando... porque eles não falam, mas é tipo ordem de chegada... aguarda sempre na maca, depois do pré-parto você não desce mais da maca (salvo qdo vc tem que vomitar com crise de enxaqueca...), quando "liberam" o cc, te levam e uma vez lá é muito rápido.
Ah, tivemos que pagar $ 100,00 pro Robson meio-que-assistir o parto. Não sei qual é a legislação agora, mas na época não era liberado não... Quando cheguei no centro cirúrgico ele já estava lá me esperando.
Dentro do CC: os médicos se apresentam, o anestesista sempre conversando com você, pra te acalmar, com certeza, eles sempre falam tudo que vão fazer antes do procedimento em si.
Te dão a anestesia, te colocam no soro e em poucos segundos você já começa a sentir o formigamento nos pés. Em minutos já começa a cesárea e você já ouve o chorinho da boneca!!!
Você vai pegar, beijar, tirar foto, se conseguir né, pq a gente fica tonta, pela anestesia e pela emoção!
Aí a levam pro berçário e você vai pro pós operatório por de 1 a 2 horas mais ou menos.
Você vai tremer inteira, pensar que não vai parar nunca, talvez tenha coceira, muita coceira, a minha não parou nem com injeção de Fernegan !
E a sensação estranha de quando seu corpo vai voltando da anestesia. Começa pelo pé, mas não se tem força pra pra mexê-lo por inteiro, muito estranho.
Depois vai pro quarto e seu marido lindo vai te encontrar com cara de bobo!!!!
Como a Nina nasceu as 22hs, ela só foi pro quarto de manhã. Sinceramente eu achei até bom porque eu não teria condições de cuidar dela. Muito sono! Meus movimentos ainda não estavam completos, eu não podia nem sentar direito ainda...
E como o Robson já tinha falado com o pediatra, já tinha visto ela e já sabíamos que estava tudo bem, fiquei tranquila. Na primeira noite é difícil a gente querer exigir muita coisa...


Depois é só alegria e muitas horas sem sono!!!
*Minha intenção é apenas tentar te acalmar, espero ter conseguido pelo menos um pouco...


********************************************************************************
Enfim gente, eu achei que deveria postar, pois me esclareceu muito, ainda mais sendo minha amiga, a Kelly foi bem sincera.
Obrigada amiga, te amo muito....


Foto antiguinha nossa...

8 comentários:

Rafaela Pâmela disse...

Nossa amei o email!! Esclarece muita coisa...achei o seu blog navengando por aí, eu a minha Lara vamos seguir vc e a Maria Cecília tá? Beeijos e que Deus abençoe vcs ;**

Jéssica Araújo - Gravidíssima disse...

Nossa, foi exatamente o que aconteceu comigo. Tbm ando tao nervosa, ansiosa e etc... e uma amiga muito querida tem me ajudado!
Viva a amizade! Beijo

Amanda disse...

Oi Sabrina querida, isso tranquiliza mesmo a gente... saber como as coisas irão funcionar no dia D...no meu caso eu fiz o curso de g"estante na maternidade e eles fizeram um passo a passo sobre todo o processo desde a chegada na recepção, documentos,procedimentos, pós parto, etc etc... saí de lá imaginando tudo... pelo menos agora sei o q pode acontecer e não serei totalmente surpreendida... eu não sei vc mas eu não gosto de "não saber o que vai acontecer"

Bjs

Renata Auxiliadora disse...

Oi Sabrina que legal o cha de calmaria que sua amiga deu... vc já reparou que a maioria das pessoas só chegam para nos contar as coisas que deram erradas... dificil pessoas que nos dão ânimo como ela, e mais gostoso foi vc ter compartilhado conosco.
Obrigada
Renata
http://diariodarenata.wordpress.com/

Cris Fagá disse...

é amiga... voce é abençoada... Gosto de gente assim, para frente, que te acalma...
A maioria das pessoas com quem a gente conversa vem com historias de : .. ah.. doeu horrores... ah.. foi horrivel.. ah.. nao passava nunca... ah.. isso.. ah.. aquilo...

Sua amiga é maravilhosa mesmo - mesmo sem conhece-la posso dizer isso. E transmitiu tudo com uma calma impressionante. é exatamente isso que acontece.

Nota 1.000 para ela...

Jessica Roberta disse...

muito bom o que sua amiga relatou,

bjs

Néinha Figueiredo. disse...

Sá, obrigada pela partilha!
A Kelly te acalmou e me acalmou tbém.
Ando com os nervos a flor da pele.

Um medo, uma inseguirança.

Nem sei descrever a confusão de sentimentos.

O importante é que no final td sempre da certo e se Deus quiser em breve estaremos com nossas bençãos nos braços dando nossos relatos para mamães q estarão na mesma situação que a gente.

Bjkinhas.

Taly Watanabe disse...

Saaa minha amiga como estão minhas princesas?
Esta mais calma qto os móveis?ja chegaram?
Se não chegou fique calma, nada acontece sem a permissão de Deus...
Ele esta tratando de tudo viu..fique em paz

bjinhus e bom fds

linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...